sexta-feira, 12 de abril de 2019

Danilo Gentili é condenado a prisão por chamar Maria do Rosário de "Puta"


O humorista Danilo Gentili foi condenado a 6 meses e 28 dias, em regime semiaberto, pelo crime de injúria contra a deputada Maria do Rosário (PT-RS). Segundo a juíza Maria Isabel do Prado, da 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo, ao gravar um vídeo em resposta a uma notificação extrajudicial recebida, o humorista ofendeu a dignidade da deputada, chamando-a de "puta".