terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Envolvimento com jogo do bicho leva à condenação de presidente da Câmara de Jandaia do Sul, delegados, investigador de polícia e empresário

por Redação, com MPPR, às 18h04min | 04/12/2018


Câmara de vereadores de Jandaia do Sul (Foto: Reprodução/ Google Street View)

Por envolvimento com o jogo do bicho, o presidente da Câmara de Vereadores de Jandaia do Sul, um ex-delegado e um ex-investigador de polícia da cidade, além de uma ex-delegada de Marialva, foram condenados criminalmente e também perderam os cargos públicos. A sentença judicial, proferida na sexta-feira, 30 de novembro, atende ação penal proposta pelo Ministério Público do Paraná, por meio da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca e do Núcleo de Londrina do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

O vereador foi condenado por associação criminosa e corrupção ativa. Os policiais, que atuaram na comarca entre os anos 1994 até 2010, por associação criminosa, corrupção passiva e falsidade ideológica. Eles já estavam afastados das funções por conta de ação civil pública.

Além dos quatro, um empresário da cidade foi sentenciado por associação criminosa, corrupção ativa e falsidade ideológica. Segundo a denúncia do MPPR, proposta em dezembro de 2010, desde a década de 1980, a família do empresário é ligada à contravenção.